BLOG (Artigos técnicos, Notícias e Informações)

Passarela em Viga Treliçada

setembro 27, 2017

PASSARELA EM VIGA TRELIÇADA

Metodologia com estrutura metálica tem montagem célere e pode vencer amplos vãos isentando pilares intermediários.

Passarelas são estruturas montadas sobre rodovias, vias expressas e ferrovias para promover segurança à passagem dos pedestres e, simultaneamente, não intervir no tráfego dos veículos. Para acessá-las, são utilizadas rampas ou soluções conjuntas com rampas e escadas. É proposto que essas passarelas sejam montadas em locais com maior circulação de pessoas.

Passarelas estruturadas em aço têm montagem ágil e são executadas em ponto superior da superfície da pista de rolamento. Podem ser descobertas ou receber uma cobertura. Fabricadas geralmente em monobloco, são passíveis de vencer amplos vãos com a utilização de uma menor quantidade de pilares intermediários — ou até mesmo isentando-se desses pilares. Uma configuração dominante e simplificada são as estruturas treliçadas, ilustradas abaixo.

A célere execução das passarelas estruturadas em aço evitam o impedimento das vias em atividade por um período extenso. Depois de instaladas sobre os pilares, com a utilização de guindastes, o tráfego já pode voltar a operar. Em rodovias que dispõem de canteiro central, a passarela deve progredir de forma contínua, sem dar entrada ao canteiro. O afastamento mínimo entre duas passarelas deve ser de 200 m. O Departamento Nacional de Infraestrutura de Transportes (Dnit) orienta que o projeto da passarela seja o mais enxuto e leve possível, contanto que técnica e economicamente realizável.

Projeto

A elaboração do projeto inclui estudos para a localização e viabilidade da execução da passarela. São realizadas análises geotécnicas e uma verificação topográfica para determinar a melhor solução. O projeto deve obter fatores como a menor duração de travessia e a localização favorável à transitação principal de pedestres. As passarelas devem obedecer às determinações da norma de acessibilidade (ABNT NBR 9050). A definição da solução mais apropriada (elementos estruturais construtivos, elementos de proteção ao usuário e melhor opção de acesso passarela) é realizada somente após esses levantamentos. Caso a definição seja por uma solução metálica, o projeto vai estabelecer como será a estrutura a ser fabricada para compor a passarela.

1 - Elementos estruturais

Os componentes da passarela metálica são o tabuleiro, geralmente em peça única, e os pilares. Podem ser utilizadas soluções conjuntas, que associem estruturas metálicas com concreto armado, por exemplo. A passarela é complexa de tabuleiro com largura mínima de 2 m para possibilitar a passagem de pedestres caminhando ao mesmo tempo em sentidos contrários. E necessita ter guarda-corpo com altura mínima de 1 m, ancorado ao vigamento principal do tabuleiro para que assim possa garantir, conforme o Dnit, resistência mínima ao esforço de 80 kgf contra o corrimão (parte superior do guarda-corpo). O tabuleiro é colocado sobre os pilares por um guindaste após a montagem dos mesmos.

2 - Elementos geométricos

A base de suporte pode ser composta por fundação direta com a construção de sapatas — a análise geológica estabelece os tipos de fundação viáveis. As sapatas podem ser pré-fabricadas ou moldadas in loco. Acima delas são executadas as colunas que vão comportar a estrutura metálica da passarela. Quando a passarela é montada sobre via ferroviária, a altura livre mínima é estabelecida pela concessionária da ferrovia. O comprimento das passarelas deve se estender por 10 m partindo da fronteira externa dos acostamentos até os pontos de interseção com os acessos.

3 - Acessos as passarelas

Devem ser utilizadas, de preferência, rampas com declínio suave que requeiram pouco esforço do pedestre. A norma NBR 9050 define um declínio máximo da rampa de 5% a 8,33%. Também são adotados os acessos através de escadas, embora seja pouco orientado. O vão da passarela é estabelecido em função do fluxo de pedestres estipulado para os horários de maior movimento, segundo determinação da mesma norma.

4 - Iluminação, pisos e bloqueios

É de suma importância a iluminação das passarelas para prevenir acidentes. Os pisos precisam ser, com obrigatoriedade, em material antiderrapante. Conforme determinação do Dnit, a área conjunta ao local da passarela necessita ser bloqueada por alambrado com altura mínima de 2 m, ancorado junto às extremidades externas dos acostamentos. O prolongamento do alambrado precisa ter no mínimo 20 m para cada lado, afim de induzir o pedestre a realizar a travessia pela passarela.

A Metalúrgica Universo projeta, fabrica e monta passarelas com vigas treliçadas e alma cheia.
Entre em contato conosco e solicite um orçamento.





 

Lajes: Steel Deck

setembro 18, 2017

LAJES: STEEL DECK

O Steel Deck é uma laje composta por uma telha de aço galvanizado e uma camada de concreto. O aço, excelente material para trabalhar a tração, é utilizado no formato de uma telha trapezoidal que serve como fôrma para concreto durante a concretagem e como armadura positiva para as cargas de serviço.

Conformado a frio e cobrindo uma largura útil de 820 a 840 mm, o Steel Deck possui nervuras largas e com a utilização de conectores de cisalhamento (stud bolts) permite a...

Continuar lendo...
 

A Importância da inspeção visual no controle dos processos de fabricação e montagem das estruturas.

setembro 18, 2017

A IMPORTÂNCIA DA INSPEÇÃO VISUAL NO CONTROLE DOS PROCESSOS DE FABRICAÇÃO E MONTAGEM DAS ESTRUTURAS.

Fig. 01 – Montagem de estrutura metálica de ponte onde inspeção visual esteve presente em todas as etapas de fabricação e construção.
A inspeção visual é um ensaio não destrutivo largamente utilizado para avaliar das condições ou qualidade de uma peça e dos trabalhos voltados na fabricação de estruturas metálicas e na soldagem principalmente. É de fácil execução, de ba...

Continuar lendo...
 

Importância dos Projetos nas obras em Estruturas Metálicas

setembro 18, 2017

IMPORTÂNCIA DOS PROJETOS NAS OBRAS EM ESTRUTURAS METÁLICAS

Quando se fala na elaboração de projetos, no primeiro momento pensamos em gastos adicionais e desnecessários. Na verdade, a elaboração de bons projetos vem contribuir na segurança, qualidade, otimização de gastos e velocidade na execução da obra.

Os projetos são as primícias básicas para construção de qualquer estrutura metálica, onde se deve verificar todas as influências que possam alterar o custo da obra. O engenhe...

Continuar lendo...
 

Detalhamento de projeto de estruturas metálicas

setembro 18, 2017
Manutenção e vida útil
A norma brasileira NBR 15575 Desempenho de Edificações Habitacionais de Até Cinco Pavimentos, em vigor desde 12 de maio, estabelece requisitos e critérios de desempenho sob a ótica das necessidades do usuário. Essas exigências, antes subjetivas, tornaram-se requisitos técnicos, com parâmetros determinados. O prazo para adequação de projetos à norma é de seis meses. Assim, a partir de 12 de novembro, todos os projetos protocolados nas prefeituras devem est...

Continuar lendo...
 

Jateamento Abrasivo

setembro 17, 2017

JATEAMENTO ABRASIVO

Preparo de superfície e espessura da película seca da tinta em função do ambiente:
O projetista deve fixar o grau de limpeza da superfície, a tinta e a espessura do sistema de pintura, em função da agressividade do ambiente. Quanto melhor o preparo da superfície e quanto maior a espessura, mais duradoura será a proteção que o sistema de pintura oferecerá ao aço. Nunca pode ser esquecida a relação custo/benefício de um sistema de pintura. O bom preparo de sup...


Continuar lendo...
 

Práticas errôneas na montagem de estruturas metálicas

setembro 17, 2017

PRÁTICAS ERRÔNEAS NA MONTAGEM DE ESTRUTURAS METÁLICAS

Introdução

O objetivo deste trabalho é apresentar e analisar algumas definições e casos de falhas em estruturas metálicas, oferecendo recomendações para evitá-las. Os casos aqui apresentados, foram obtidos de vários projetos diferentes.

Projetar uma estrutura significa resolver integralmente os seguintes aspectos: segurança, funcionalidade e durabilidade, todos eles igualmente prioritários. As falhas ou acidentes estruturais po...


Continuar lendo...
 

Obras Realizadas 2014 - Confecção de cobertura com policarbonato alveolar de 6mm cristal sobre estrutura metálica da passarela.

julho 20, 2014






Confira nossa página: Estruturas Metalicas em Salvador


Continuar lendo...
 

Obras Realizadas 2014 - Fabricação e montagem de cobertura metálica com telhas fibrocimento - dimensão total de 450m². Fabricação e montagem de uma segunda cobertura com policarbonato alveolar.

julho 20, 2014












Confira nossa página: Estruturas Metalicas em Salvador

Continuar lendo...
 

Obras Realizadas 2013 - Confecção de Pergolado de Alumínio com Policarbonato Alveolar Refletivo.

abril 13, 2014




Continuar lendo...
 
 

BLOG - METALÚRGICA UNIVERSO